Parto Rio de Janeiro-RJ

Matheus

Quando os planos do parto normal tomam outros rumos, ainda é possível ter uma cesárea respeitosa e trazer seu bebê ao mundo de uma forma acolhedora. E isso não significa só diminuir as luzes e o ar condicionado e colocar a playlist da gestante para tocar. Significa verdadeiramente acolher os medos e desejos da paciente,, a equipe estar inteiramente presente e conectada com a protagonista da história, informar sobre todas os procedimentos com clareza e transparência e envolver a paciente na tomada de decisões.


Matheus ficou pélvico (sentado) até o finalzinho da gestação, mesmo com todas as manobras feitas para que ele fosse para a posição mais propícia para o parto. A equipe da querida dra. Ana Fialho respeitou a decisão da Carol, que, então, preferiu a cesárea. Mas nada foi marcado, pois não havia urgência. Tudo estava bem.


A bolsa da Carol rompeu sem contrações e todos esperamos pacientemente por elas começarem antes de nos dirigirmos para o centro cirúrgico. Fizemos uma pequena bagunça no quarto da Perinatal de Laranjeiras na noite que antecedeu a chegada do Matheus, com direito a pintura de barriga, colo e pizza! Matheus chegou de manhã, na hora que escolheu, cercado de amor e respeito. Além da dra. Ana Fialho estavam presentes a  dra. Bruna Ortiz (obstetra), a dra. Fernanda Mosqueira (pediatra) e a doula Tamara Fogel.